Manifestação no sábado para que a “Tragédia não se repita”

Pelas 14h, desta terça-feira, duas jovens de 17 anos, ambas a frequentar o 11º ano, foram atropeladas por um veículo ligeiro na EN 106, junto à escola EB 2,3 e Secundária de Lustosa.

Bruna sofreu apenas ferimentos ligeiros, tendo sido transportada para o Hospital Padre Américo, encontrando-se em casa.
Já Sara Cunha, que foi assistida no Hospital de S. João, acabou por falecer na quarta-feira ao fim da tarde.

A população lustosense tem expressado a sua revolta pelo facto de o local onde se deu o trágico acidente da passada terça-feira não reunir condições de segurança. As pessoas lamentam que os semáforos tenham deixado de funcionar e apontam até como medida a colocação de lombas no local para reduzir a velocidade dos veículos.
Estão por estas razões a ser feitas diligências para realizar uma manifestação no local do acidente no sábado pelas 14h.

Armando Silva lamenta morte de jovem na Nacional 106 e diz que é preciso agir

Armando Silva aproveitou ainda para lamentar a morte da jovem atropelada junto à EB 2, 3 e secundária de Lustosa. “Lustosa está de luto”, disse com visível tristeza.
O autarca disse ainda que a Nacional 106 é “reconhecida como um dos pontos negros da freguesia”, mas acrescenta que a Junta está impossibilitada de intervir, porque se trata de uma zona da responsabilidade da Infraestruturas de Portugal (IP)”. “Uma Junta devia ter mais poderes e devia ser mais respeitada. Temos feito o nosso melhor através do envio de e-mails, sem resposta. Tem havido ali muitos acidentes e temos alertado a IP, mas não temos poder. Espero que a Câmara e a Escola também se unam a nós para conseguirmos resolver esta situação”, referiu.
“Estamos todos a sofrer com esta perda humana. A IP deveria, nestes locais onde há escolas, com centenas de jovens, estar mais atenta e ser mais sensível a essas situações”, remata. A população tem mostrado o seu descontentamento por considerar que o local não reúne condições de segurança, uma vez que os semáforos têm estado desligados.

Comentários

Submeter Comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Artigos recentes

A  memória e a literatura

Há uns tempos e a propósito de um Colóquio Internacional em que participei na Sorbonne, em Paris,...

“Fecharam-nos muitas portas, mas temos tudo controlado”

COMISSÃO DE FESTAS DO SENHOR DOS AFLITOS 2024 Em janeiro deste ano, Paulo Magalhães, Daniel Pires...

Cartaz de arromba nas festas de Lustosa

SÃO TIAGO É COMEMORADO DE 25 A 28 DESTE MÊS A comissão de festas de Lustosa é formada por mais de...

Festas Grandes em honra do Senhor dos Aflitos

A Vila já está iluminada lembrando as Festas Grandes, que têm um dos grandes momentos na...

Lousada no pódio europeu de árvores plantadas em Portugal

O Município de Lousada ocupa o primeiro lugar nacional, ao abrigo da iniciativa europeia da...

Votações para o OPJ até dia 8 de agosto

Até dia 8 de agosto estão em votação as 12 propostas apresentadas no âmbito do Orçamento...

Ações de sensibilização com a Liga Portuguesa Contra o Cancro

O Município de Lousada associou-se à Liga Portuguesa Contra o Cancro – Núcleo Regional do Norte,...

NÍVEL ELEVADO NO SUPERCROSS EM LUSTOSA

As grandes emoções do Supercross estiveram em Lustosa (Lousada), numa noite memorável. A pista do...

Quarteto Metralha animam festas e romarias

LOUSADA TEM CADA VEZ MAIS GRUPOS DE BOMBOS Os bombos são uma tradição bem portuguesa e em Lousada...

Verónica Parente apresenta a exposição “Horizontes de Cores” no Cais Cultural de Caíde de Rei

O Cais Cultural de Caíde de Rei acolherá a exposição "Horizontes de Cores", da artista Verónica...

Siga-nos nas redes sociais