por | 11 Abr, 2019 | Cultura, Freguesias

Dia dos Moinhos celebrado pelo Município (Com vídeo)

“Porque há águas que movem memórias”

No passado domingo, dia 7, a Câmara Municipal de Lousada celebrou o Dia Nacional dos Moinhos Abertos 2019, com o tema “Porque há águas que movem memórias”. A atividade teve como mote um passeio histórico, cultural e ambiental com uma extensão de cerca de cinco km junto a um dos maiores protagonistas da paisagem do concelho e da região que é o rio Sousa.

Apesar das chuvas de abril ameaçarem a participação dos inscritos, o evento contou com mais de 50 pessoas.

O Dia Nacional dos Moinhos Abertos 2019 proporcionou aos participantes uma simbiose entre o património natural, o património edificado e, ainda, o património imaterial. Através da orientação por parte de técnicos do Ambiente e do Património, os participantes tiveram a oportunidade de ficar a conhecer mais sobre o valor inestimável associado àquilo que foi durante séculos uma das principais atividades no concelho de Lousada, a atividade moageira.

Através do acompanhamento de um jumento de carga ao longo de toda a caminhada, foi recriada a fase final do ciclo do pão, num percurso que contou com paragens junto de alguns dos moinhos do rio Sousa, entre eles o Moinho da Quinta da Azenha, o Moinho de Barrimau, o Moinho de Requião, o Moinho de Cartão e por último o Moinho do Meio, sendo este, atualmente, o único exemplar em laboração no rio Sousa.

Para além do protagonismo dos moinhos, com percurso iniciado junto à Quinta dos Ingleses, foram estabelecidas paragens na Capela de São Bartolomeu, Capela da Casa Grande de Vilela e Ponte de Vilela, e, ainda, a apresentação do projeto Lousada Guarda-Rios e o projeto Gigantes Verdes, completando o percurso através dos Caminhos do Românico até ao Moinho do Meio, em Pias. Para finalizar foram apresentadas algumas das etapas do ciclo do linho pelo grupo folclórico “Lavradeiras do Vale do Sousa”.

O objetivo principal desta atividade foi, essencialmente, o de sensibilizar para o valor da identidade do território, mas também expor algumas das práticas de um povo que a si lhe estão associadas. 

Comentários

Submeter Comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Artigos recentes

Tanto talento e humildade numa pessoa só

JOÃO DA MOTA TEIXEIRA Este cristelense de 78 anos tem tanto de discreto e humilde como de talento...

Estradas esburacadas 

ACONTECE UM POUCO POR TODO O CONCELHO As chuvas intensas que caíram neste inverno contribuíram...

“O Julgamento do Natal”

Nos dias 22 e 23 de março, a Nova Oficina de Teatro e Coral de Lousada, para finalizar o Dia do...

COPAGRI CONTINUA COM LITÍGIO INTERNO

“Arrumar a casa” para investir no supermercado, mas anterior direção insiste com ação judicial Por...

Adriano Rafael Moreira é o novo Secretário de Estado do Trabalho

TERCEIRO LOUSADENSE NUM GOVERNO CONSTITUCIONAL A tomada de posse de Adriano Rafael Moreira,...

Editorial 118 | Um lousadense no Governo de Portugal

Não é todos os dias que temos um lousadense no Governo de Portugal, sendo, por isso, motivo de...

~ in memoriam ~

Armando José Gonçalves da Costa (1946 – 2024) Faleceu a 26 de Março o estimado dono do Mini...

Lousada recebe o Mega Sprinter

Lousada recebe, nos dias 19 e 20 de abril, o XVIII Mega Sprinter. A atividade envolve 25 comitivas...

Seminário da Unidas – Rede Intermunicipal de Apoio à Vítima do Douro, Tâmega e Sousa

Lousada recebe o III Seminário da Unidas — Rede Intermunicipal de Apoio à Vítima do Douro, Tâmega...

Noites da Juventude apresentam We Are

O segundo evento no âmbito das Noites da Juventude realiza-se dia 12 de abril. A partir das 22h00,...

Siga-nos nas redes sociais