Lousada Festival Tradicional promoveu produtos locais

A Avenida Senhor dos Aflitos recebeu entre os dias 18 e 21 de o Lousada Festival Tradicional, que juntou produtos de cestaria, linho e bordadas, croché, artigos em madeira, em pele entre outros e contou ainda com quatro espaços de restauração.  

A animação musical esteve também presente em vários momentos deste evento, com a atuação do Grupo de Cavaquinhos da Associação Desportiva e Cultural de Lodares, do Grupo de Cantares de Cantares Populares de Meinedo, as Concertinas na Noite, “7 Saias”, Grupo de Cavaquinhos da USALOU e os “Os Amigos da Viola”. Marcaram presença também o Grupo Folclórico da Associação Cultural e Recreativa Senhora Aparecida e o Grupo Folclórico e Cultural As Lavradeiras do Vale do Sousa – Meinedo, a que se juntaram o Grupo Folclórico “As Ceifeirinhas do Vale Mesio”, Rancho Folclórico S. Pedro Caíde de Rei e o Rancho Folclórico de Nogueira. Um dos momentos altos deste evento foi a Recriação do Ciclo do Linho.

III Concurso de Melhor Broa Regional do Vale do Sousa

No domingo, último dia de Festival Tradicional, realizou-se o III Concurso de Melhor Broa Regional do Vale do Sousa e teve lugar o I Encontro de Confrarias de Lousada, mais concretamente do Bazulaque e do Sarrabulho Doce, a quem foi entregue uma lembrança para assinalar o momento. 

O primeiro prémio, que distinguiu a Melhor Broa, foi atribuído a Maria Pinto, de Lousada, seguindo-se Rosa Oliveira, de Penafiel, e Paulo Duarte, de Paredes.

O júri teve em consideração diversos pontos aquando da decisão, nomeadamente aspeto, cor, odor, textura, coesão e sal. Fizeram parte dos jurados o Eng. Rocha Fernandes, da Direção Regional de Agricultura e Pescas do Norte, o Dr. Pedro Moreira, da Escola Superior Agrária de Coimbra, o Eng. Eduardo Taveira Copagri, e José Babo Magalhães, produtor local. 

A iniciativa é fruto de uma organização conjunta da Copagri, Câmara Municipal de Lousada e da Ader-Sousa.

A Vereadora do Desenvolvimento Económico e Social, Dra. Cristina Moreira, destacou que “o balanço deste evento é positivo devido a inúmeros fatores, nomeadamente ao I Encontro de Confrarias de Lousada, em que juntou a Confraria do Bazulaque e Confraria do Sarrabulho Doce. Também a parte destinada à gastronomia permitiu uma dinâmica interessante, permitindo que os visitantes tivessem oportunidade de lanchar ou até mesmo jantar no mesmo espaço”.

A Dra. Cristina Moreira elenca ainda “a participação dos ranchos folclóricos que permitiram um enquadramento perfeito com a filosofia do evento, a música local que animou as noites e a participação dos seniores como elementos fundamenais deste evento”.  

Este é um evento que envolve pessoas de idades muito variadas e pode ver-se que os mais novos estão a participar e ajudar os pais que são produtores. “Esta é a segunda geração do Lousada Festival Tradicional”, como lhes chama a Vereadora do Desenvolvimento Económico e Social.

Para uma próxima edição fica a sugestão para “promover um concurso de vinhos e espumantes da região, mas também a criação da Confraria da Broa de Milho, que é um produto simples e que está presente nas mesas das famílias do Vale o Sousa e de várias regiões do país”. 

Nota Informativa CM Lousada

Comentários

Submeter Comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Artigos recentes

Resistência e Liberdade» obteve 3.º Prémio no Concurso «25 de Abril, um projeto de Liberdade»

Alunos e professores do AE Dr. Mário Fonseca, envolvidos no Projeto «Resistência e Liberdade»,...

Mostra coletiva de artistas revela vitalidade da arte lousadense

NA BIBLIOTECA MUNICIPAL E CAIS CULTURAL DE CAÍDE DE REI A diversidade de estilos e técnicas são...

Uma centena de jovens na Final Regional do Xadrez Escolar do Norte na Escola Secundária de Lousada

A Escola Secundária de Lousada acolheu, no dia 10 de maio, a final da modalidade de xadrez da...

Sacrifício, Liberdade e Memória da Revolução dos Cravos

No ano em que se comemora os cinquenta anos da Revolução dos Cravos importa mergulhar no passado...

Iluminar Lousada – Uma Luz Solidária para a Cooperativa Lousavidas

O Iluminar Lousada vai realizar-se no dia 18 de maio, e as velas solidárias estão já estão à...

Pimenta na censura dos outros, na minha liberdade é refresco

No passado dia 25 de Abril celebraram-se os 50 anos sobre a revolução que derrubou o regime...

Vinhos das Caves do Monte projetam Lousada no mundo

Freitas de Balteiro: O embrião de uma tradição Em 1947, nas terras férteis da freguesia de...

Caixa Agrícola rejeita lista de sócios candidatos a eleições: Lista avança com Providência Cautelar

A Caixa de Crédito Agrícola de Terras do Sousa, Ave, Basto e Tâmega (CCAM TSABT) está envolta em...

Um pioneiro da comunicação regional

Rafael Telmo da Silva Ferreira, professor e diretor da Valsousa TV Em setembro faz 25 anos que...

A Casa Nobre No Concelho de Lousada

Tipologias - XII | Capela II A capela podia ser levantada por forma a dar seguimento à fachada da...

Siga-nos nas redes sociais