Turismo ligado à Rota do Românico parado

Com o país em estado de emergência, a dinâmica cultural sofreu naturalmente alterações, a que não ficou alheia a Rota do Românico. Os espaços públicos ligados à cultura foram fechados, incluindo as igrejas, cessando toda a dinâmica turística à volta do românico. A situação é ingrata, pois o mês de março é importante em termos turísticos, como explica Rosário Machado: “O mês de março é para nós um mês importante. Este ano tínhamos já muitas marcações. Estava a ser um excelente mês a nível de procura da Rota, e foi tudo cancelado. O turismo tem sido um dos setores, que mais tem sentido as dificuldades”, lamenta.

Apesar de terem cessado as atividades no terreno, a equipa da Rota do Românico continua a trabalhar em regime de teletrabalho. A diretora da Rota salienta que, apesar da distância, a equipa se mantém mais do que nunca unida e acrescenta até que, nestes momentos, a solidariedade é ainda maior entre pessoas e instituições: “A união é muito forte, desde os parceiros nacionais, entidade Turismo Porto e Norte, as câmaras e outras entidades nacionais, até internacionais, de Espanha, com a fundação de Santa Maria La Real.”

Paralelamente a isto, continuam as obras na Praça do Românico, embora a um ritmo mais lento, seguindo as regras vigentes do distanciamento social, e o trabalho de apresentação de candidaturas: “Abrimos uma frente de trabalho para uma fase pós-Covid. Temos de pensar no dia a seguir. A conjuntura e o futuro não dependem totalmente de nós. Temos de ter confiança e, mas se há coisa, que este vírus nos faz, é diminuir-nos a confiança”, reconhece. Acrescentou, que “o recolhimento é completamente o inverso do que se pretende com o turismo”.

O período da Páscoa é tradicionalmente de mobilidade e uma época de grande espiritualidade, em que as pessoas procuravam a Rota, tanto a nível nacional como internacional. Rosário Machado prevê que as coisas possam demorar a recuperar a normalidade: “Vai demorar para que as pessoas entrem em autocarros, porque estão juntas”, explica. Além disso, “o turismo não se coaduna com o receio e a inibição, pois está ligado ao bem-estar e ao prazer”.

Visitar a Rota do Românico a partir do computador

Os meios digitais são neste momento, a aposta da Rota do Românico. Em casa, as pessoas podem ver “a riqueza deste património”. “Estamos a tentar de uma forma controlada, dar uma resposta através da comunicação para despertar a curiosidade, para que depois, quando for possível, as pessoas possam vir e conhecer o nosso património”, explica.

No período da Páscoa em particular, os internautas podem aproveitar para conhecer a arte relacionada com o tempo pascal. “Tínhamos tudo preparado para o dia 18 de abril (Dia dos Monumentos e Sítios). Agora temos de utilizar as redes sociais para que esse dia seja celebrado de forma especial”, concluiu.

Centro de Interpretação do Românico galardoado no concurso ArchDaily
O Centro de Interpretação do Românico ficou em segundo lugar na categoria Prémio Obra do Ano 2020, no âmbito do concurso promovido pelo ArchDaily Brasil. Foi com surpresa, que Rosário Machado, diretora da Rota do Românico, recebeu a notícia. “Nem nós, nem os arquitetos estávamos à espera que o centro ganhasse o segundo lugar a nível mundial”, disse aO Louzadense.

Comentários

Submeter Comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Artigos recentes

Quem são @s influencers lousadenses?

VENDEM PRODUTOS E SUGESTÕES A MILHARES DE PESSOAS Por “querer estar na moda” ou por insegurança e...

GINT: Uma história de crescimento, inovação e responsabilidade social

Desde a sua fundação em 1997, a Grecogeste-Trading de Produtos e Serviços S.A., do Grupo GINT, tem...

Programa Municipal de Caminhadas

No dia 15 de junho, sábado, realiza-se a Caminhada da Primavera, organizada pela Associação de...

Dia Municipal da Biodiversidade celebrado no Parque Urbano Dr. Mário Fonseca

Dia 21 de junho celebra-se o Dia Municipal da Biodiversidade. Desde 2017 que esta data é celebrada...

Inscrições abertas para o Banco de Voluntariado

O Banco de Voluntariado encontra-se em funcionamento desde 2006 e pretende garantir e promover a...

Orçamento Participativo Jovem tem candidaturas abertas até sexta-feira

Estão abertas as candidaturas para o Orçamento Participativo Jovem (OPJ), até dia 14, próxima...

Alunos de Lousada venceram concurso DXC Code Challenge

A equipa da EB da Boavista – Silvares, constituída por Letícia Teixeira Sousa e Luís Gonçalves...

Lousada CoWorking está em funcionamento

A funcionar no Parque Urbano Dr. Mário Fonseca, o espaço Lousada Coworking regista já procura....

Talentos da Fruta já têm pratos vencedores

O Município de Lousada promoveu uma nova edição do concurso “Talentos da fruta”, na passada...

Município cria Prémio de Investigação Dr. Mário Fonseca

O Município criou o “Prémio Dr. Mário Fonseca” em homenagem ao médico Lousadense, conhecido como...

Siga-nos nas redes sociais