por | 8 Jul, 2019 | Desporto, Grandes Louzadenses

Nuno Magalhães é o novo líder da ARD de Macieira

Nuno Miguel Alves de Magalhães, de 20 anos, é o novo presidente da Associação Recreativa e Desportiva de Macieira.

Conheça melhor esta associação, nesta curta entrevista ao jovem ambicioso, que reconhece que a fasquia está elevada, mas considera que a sua equipa está à altura do desafio.

Fale-nos sucintamente do trabalho realizado pela ARD Macieira.
Nos últimos 13 anos, a ARD Macieira focou-se num projeto direcionado para a formação de atletas, desenvolvendo o crescimento e potencial dos mesmos. A base social do atleta foi sempre um ponto importante, incutindo-lhe, através do desporto, regras, valores e atitudes. O desenvolvimento da associação foi fruto de todo um trabalho direcionado para a juventude, sendo a criação do plantel sénior, suportado por atletas formados nos quadros do clube, uma meta atingida.

Como surgiu a sua ligação a esta Associação?

Apesar de não ter sido formado totalmente, como atleta, na Associação, a ligação sempre foi inevitável! Acompanhei sempre o meu pai e o meu irmão no desenvolvimento do projeto. O gosto pelo clube foi sempre demonstrado, tendo feito 5 anos de formação com o rubro negro vestido. Nesse período, conseguimos grandes feitos, como a subida de divisão do escalão de juniores à 1ª divisão distrital, apesar de no ano seguinte não termos conseguido a manutenção. Em dois anos de sénior, consegui neste último a desejada subida à 1ª divisão.

O que o levou a assumir a presidência da direção?

O desafio e a ambição são, sem dúvida, dois fatores que pesaram na decisão. O amor à camisola é claramente notório, e a descoberta de novas experiências através do clube que me diz tanto serão, sem dúvida, uma realização pessoal.

Fale-nos um pouco dos elementos da nova direção. Quais foram os critérios para esta escolha?

Acima de tudo, conto com pessoas pró-ativas, direcionadas para os resultados e apaixonadas pelo que fazem. Aliando a experiência de uns à vontade de crescimento de outros, penso termos a equipa certa para projetarmos a nossa Associação com todo o sucesso.

Cristiano Magalhães, seu irmão, foi o principal responsável pelo crescimento da ARD Macieira ao longo destes anos. O que sente ao assumir a responsabilidade de dar continuidade a este trabalho?

Antes de mais nada, é gratificante e honroso dar continuidade ao trabalho do Cristiano. A responsabilidade é muita, pois, como referiu, foi um trabalho notável que resultou num crescimento significativo, o que elevou bastante a fasquia e o nível de exigência, mas isso é uma motivação e acredito estar, junto com a minha equipa, à altura do desafio.

Quais são os principais objetivos desta nova direção?

O objetivo é desenvolver as principais características do clube: o trabalho, o empenho e o profissionalismo na formação, o que também nos possibilita a integração numa área do nosso interesse, na qual pretendemos especializar-nos ao longo dos anos.
Caracterize o atual momento da associação, em relação a modalidades e atletas.
este momento, a associação vive dias de franco crescimento. O aumento do número de atletas culminou na criação de mais uma equipa, no escalão de escolas, e apostamos numa nova modalidade: o atletismo, a qual pretendemos continuar a desenvolver para potenciar o seu crescimento.

Como vê o futuro da coletividade?

Em crescimento constante e apostando em novas modalidades.
Pelo que já conhece, quais serão as maiores dificuldades?
Suportar os custos é sempre um fator delicado, onde a rigidez é muito importante para podermos colmatar todas as adversidades que possam existir.

O que espera nesta nova etapa para o clube por parte da comunidade local e das entidades públicas e privadas?

Espero sinceramente que acreditem no nosso projeto e que continuem a apoiar-nos, uma vez que o nosso crescimento depende da sua colaboração.

Para finalizar, que mensagem gostaria de deixar aos sócios e simpatizantes?

Apelar à confiança no nosso trabalho e no projeto, para podermos continuar em crescimento e dignificar o bom nome da nossa Associação.

Comentários

Submeter Comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Artigos recentes

“Toda a glória do mundo é transitória”

JORGE NETO, ADVOGADO E POLÍTICO O lousadense Jorge Manuel Ferraz de Freitas Neto, de 67 anos, é um...

Associação dos Voluntários de Caíde de Rei Celebra 34.º Aniversário com Evento Memorável

A Associação dos Voluntários de Caíde de Rei comemorou, ontem, o seu 34.º aniversário com uma...

Queixas ambientais morrem num emaranhado de burocracias e “procedimentos duvidosos”

A (DES)ORDEM NO RIO MESIO (PARTE 2) Esta é a segunda parte da reportagem d'O Louzadense sobre um...

AD Lousada não se vai coligar com SAD Lank

FEDERAÇÃO NÃO AUTORIZA O “CASAMENTO” Estava tudo bem encaminhado entre as partes para que a junção...

Editorial 125 | O Gestor de Redes Sociais

Numa terra longínqua onde os emojis governam e os likes são moedas de troca, vive o temido Gestor...

LOUSADA RECEBE MAIOR FESTIVAL DE DRIFT DO PAÍS

O Eurocircuito da Costilha em Lousada será palco no final do mês da 11ª edição do Encontro...

Xadrez do Lousada Voleibol Clube com excelentes resultados no fim de semana

Esteban Dario Caro, xadrezista da secção de xadrez do Lousada Voleibol Clube venceu o VII Torneio...

Oficinoscópio assinala 10 anos de cinema de animação

No dia 10 de julho foi apresentado o livro Oficinoscópio, relativo aos 10 anos de Oficinas de...

AUTOR VISITA ALDAF E PROMOVE MOMENTO DE CULTURA PARA PESSOAS COM DEFICIÊNCIA EM LOUSADA

No passado dia 13 de junho a Associação Lousadense dos Deficientes, dos seus Amigos e Familiares...

Desvendando os Traços Antissociais

Os traços antissociais são confundidos por vários sintomas na linguagem coloquial, assim irei...

Siga-nos nas redes sociais