Creative Camp da INOVLousada surpreende jovens e pais

As dificuldades de ocupação dos filhos nas férias escolares por parte de muitos pais levou a InovLousada, CRL, a criar um projeto pioneiro na área educativa, que pretendeu juntar a inovação, tecnologia e criatividade num programa de desenvolvimento e capacitação de adolescentes e jovens, dos 10 aos 17 anos, garantindo-lhes uma experiência nova, interessante e inspiradora com a tecnologia.


Assim, ao longo de três dias – 18, 19 e 20 de dezembro, os participantes desenvolveram projetos tecnológicos de raiz, materializados em aplicações móveis/web ou em jogos, apresentados no final à comunidade.


“Alguns deles vão certamente ficar com o bichinho da programação”, formador


As atividades foram desenvolvidas no Espaço AJE e o acompanhamento foi assegurado pelo formador Marco Gomes, que fez um balanço muito positivo da iniciativa. Embora em níveis de conhecimento de programação muito diferentes, todos os jovens desenvolveram trabalhos interessantes, que surpreenderam o formador: “Como é que alguém em três dias consegue programar, resolvendo alguns problemas e ultrapassando alguns desafios? Fiquei surpreendido, pois já vim com alguns códigos, já com uma dificuldade interessante”. Marco Gomes salienta o desempenho de um aluno mais velho que, “num dia e meio, conseguiu programar um website”. O formador destaca também o efeito que estes dias poderão ter no futuro dos alunos: “Alguns deles vão certamente ficar com o bichinho da programação. Ficaram com a noção de que, tal como escrever, ler e contar, programar vai estar na agenda de aprendizagem nos próximos anos. Vão ter contacto mais vezes durante a sua vida com a programação”, assegura.
Para Marco Gomes, a iniciativa da InovLousada é importante, ainda mais por se realizar “em territórios descentralizados, que, dada a sua densidade populacional, não têm tantos empregos ligados ao saber programar”. Assim, estes jovens compreenderam que podem desenvolver os seus projetos em Lousada, bastando para tal ter internet.


Participantes muito satisfeitos com projetos desenvolvidos


Mafalda Branco foi uma das participantes e garante que aprendeu muito: “Consegui programar e, nestes três dias, fiz um jogo. O meu jogo é um pássaro que passa pelos obstáculos e que pode bater recordes”, explica. “Gostei muito, pois eu não sabia programar e agora posso chegar a casa e criar mais jogos”, afirma.


Para Sérgio Marques a experiência também foi positiva. O jovem aprendeu a programar em HTML, algo novo para si. Mas salienta também o convívio: “Além disso, fiz amizades, que nunca são de mais”. O seu trabalho resultou num site, “com um agrupamento de jogos triple, que dá informação e explica onde é possível comprá-los”, diz. Sérgio aconselha vivamente a experiência: “Agora sou embaixador e vou dizer aos meus amigos da turma de informática para virem no próximo”, remata.


Satisfeita com a iniciativa está também a mãe do Sérgio, Paula Moreira, que espera mais iniciativas deste tipo. “É bom para os jovens e para o futuro deles”, diz. Para além disso, realça que esta experiência serviu também para ajudar a definir o futuro profissional do filho: “Foi também uma experiência para perceber o que é que ele queria, pois dentro da informática poderia optar por outras vertentes, mas verifica-se que o que ele quer é programação”, diz, acrescentando que o Sérgio a surpreendeu com o projeto que realizou.


Nélson Oliveira, vereador da Câmara Municipal de Lousada, considera a formaçao neste tipo de areas tecnológicas “fundamental para capacitar os nossos jovens, para que no futuro possam estar mais aptos e com mais competências para o mercado de trabalho e inserçao numa sociedade cada vez mais informatizada”.


“Estes projetos servem para lançar sementes”, Fausto Oliveira


Fausto Oliveira, presidente da União de Freguesias de Silvares, Pias, Nogueira e Alvarenga, parceira nesta iniciativa, mostrou-se surpreendido com os projetos inovadores, destacando a vontade e dedicação dos jovens. “Estes projetos servem para lançar sementes, fazer nascer o bichinho por estas áreas, que são áreas de futuro, importantes para Lousada e para o país”, acrescentou. O presidente explica que a Junta apoiou esta iniciativa, pela diferença em relação às atividades tradicionais e por investir numa área que merece sempre ser apoiada.


Miguel Oliveira, da ROX, patrocinador, associou-se à iniciativa por a considerar interessante: “A área da programação é o futuro”, realçou, destacando a vontade dos jovens em quererem fazer algo novo. “É sempre bom apoiar estas iniciativas, mas estamos aqui também a passar a mensagem de que é importante a aposta no desporto”, sustentou.


Alegria na apresentação dos trabalhos finais


Bruno Ferreira, embaixador português da Semana Europeia da Programação, deu os parabéns à InovLousada, pela “iniciativa pioneira, com um grande impacto na capacitação dos jovens de Lousada”. O embaixador destaca os frutos desta iniciativa no futuro: “Os participantes desta iniciativa vão ter a possibilidade de replicar a experiência que tiveram aqui, transmitindo o impacto que a programação tem nos dias de hoje, no que diz respeito ao quotidiano básico das pessoas, mas também àquelas que são as ferramentas básicas para o desempenho das profissões destes jovens no futuro”. Bruno Ferreira destaca, ainda, “o olhar dos pais, ao verem o trabalho desenvolvido”, e a “alegria dos participantes ao apresentarem os trabalhos”.


“Vamos tentar, na interrupção letiva da Páscoa, inovar novamente”, Diogo Fernandes


Diogo Fernandes, presidente da direção da InovLousada, afirmou que os receios iniciais se desvaneceram, pois a iniciativa teve uma boa aceitação, os jovens envolveram-se e os trabalhos finais são criativos.
O presidente da Cooperativa realçou a concretização de um dos objetivos do Creative Camp, que era ocupar os jovens de forma positiva e criativa: “O Dr. Carlos Nunes tem estes contactos na área da engenharia informática e no âmbito do protocolo que há pela Europa e nós tentamos encaixar-nos, dinamizando esta iniciativa”. Outro objetivo concretizado foi a inovação: “A InovLousada quer inovar e assim ocupamos os jovens com algo que lhes interessa, criando dinâmicas intelectuais e cognitivas que os ajudam a superar determinadas dificuldades. O resultado são os jogos e aplicações, mas, por detrás, está todo um exercício matemático nesta dinâmica da informática”, explica.


Diogo Fernandes também foi surpreendido pelos resultados: “É extraordinário. Jovens de onze, doze, treze anos a fazerem trabalhos rapidamente em três dias, com dinamismo. Apresentaram os seus trabalhos com confiança”.


A inovação é para continuar, se possível já nas férias da Páscoa: “Vamos tentar, na interrupção letiva da Páscoa, inovar novamente com algo do género”, promete.

Comentários

Submeter Comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Artigos recentes

Rezar por mais saúde e menos guerras

A PROCISSÃO DE VELAS É UM SINAL DOS TEMPOS Em maio realizam-se as procissões de velas. Os...

LADEC Celebra 14.º Aniversário com Jantar Convívio

No passado dia 18, a LADEC - Lousada Associação de Eventos Culturais comemorou o seu 14.º...

Hugo Regadas Vence a Internacional XCO Super Cup

No passado domingo, em Vila do Conde, o lousadense Hugo Regadas, a competir pela equipa Rompe...

Editorial 121 | Lousada é Grande

Lousada, terra de história e tradição, ostenta com orgulho a sua grandeza. O nosso Torrão, que há...

Lousada Junior Cup: Título da primeira prova ficou em casa

O português João Dinis Silva conquistou a primeira prova da Lousada Junior Cup, depois de derrotar...

Lousada ao rubro na Super Especial do Rally de Portugal

A 57º edição do Rally de Portugal trouxe a Lousada os pilotos do Campeonato do Mundo de Ralis...

DIALLEY – Agência de Marketing em Lousada

O nome foi inspirado na Diagon Alley, um local emblemático da saga Harry Potter, da qual Sofia...

Apresentação da trilogia “As Aventuras da Maria” encanta público

No passado dia 11, a Assembleia Louzadense acolheu a apresentação da trilogia "As Aventuras da...

Luís Santos é mandatário da candidatura da Aliança Democrática em Lousada

A candidatura da Aliança Democrática (AD) em Lousada terá como mandatário Luís Santos, Coordenador...

USALOU é um berço de cultura sénior

CAVAQUINHOS E TUNA SÃO DOIS EXPOENTES O principal objetivo da Universidade Sénior do Autodidata de...

Siga-nos nas redes sociais