por | 25 Ago, 2020 | Grandes Louzadenses, Sociedade

“Meinedo é uma freguesia com futuro” Pedro Moreira

Pedro Moreira é empresário, mas é sobretudo a sua ação enquanto presidente da Junta de Meinedo que tem marcado a freguesia na última década. No terceiro mandato como autarca, que concluirá em 2021, não poderá continuar a candidatar-se à liderança do executivo, por imposição legal.

A’O Louzadense, na entrevista que se segue, faz o balanço de 11 anos de mandato. Fala das dificuldades, do que falta fazer e do futuro da freguesia.
Está no seu último mandato enquanto presidente da Junta de Freguesia de Meinedo. Que balanço faz do v/ trabalho ao longo destes anos?
Faço um balanço positivo. No essencial cumprimos a esmagadora maioria dos compromissos que assumimos com os Meinedenses, apesar das limitações financeiras a que sempre estivemos sujeitos. Recordo que herdamos uma divida avultada do executivo anterior e o próprio estado não tem financiado a nossa Junta e as outras de forma a podermos servir melhor as nossas populações. O Governo central tem atribuído mais competências às Juntas, mas não nos dá o dinheiro suficiente.

Como caracteriza a freguesia de Meinedo?

Meinedo é uma freguesia em franco desenvolvimento, mas tem potencial para crescer muito mais. A sua centralidade, os acessos ferro e rodoviários de qualidade são fatores que podem permitir um maior desenvolvimento da Freguesia.
Meinedo é também uma freguesia detentora de um património arquitetónico riquíssimo e que precisa de continuar a ser valorizado. O Rio Sousa é outra das mais valias desta terra e que nos últimos anos tem merecido uma atenção especial da nossa parte e de outra entidades.
No essencial esta Freguesia dispõe dos equipamentos necessários para que quem aqui vive possa ter qualidade de vida, pois tem: rede de água e de saneamento que ser a esmagadora maioria da população, um centro escolar, um centro de saúde, uma farmácia, um centro de dia, apoio social ao domicílio, pavilhão gimnodesportivo, um salão para a realização de espetáculos (salão paroquial), dois parques de lazer, um campo de futebol com relva sintética, várias associações culturais, recreativas desportivas, sociais e gastronómica. Também, não menos importante, tem vai ter brevemente ainda mais, vários espaços industriais para a criação de postos de trabalho.

Qual ou quais as obras que o marcaram até ao dia de hoje?

Independentemente de valores, de localização em si, todas as obras têm a mesma importância, pois visam dar respostas às necessidades da população e da freguesia. A nossa prioridade foi sempre a área social no apoio aos mais carenciados e no apoio à comunidade escolar. A modernização da rede viária, a abertura de novas ruas, a ampliação da rede de abastecimento de água e de saneamento, a iluminação pública, foram muitas das obras por nós realizadas. Seria muito fastidioso aqui identifica-las todas. Muito foi feito, mas ainda há muito a fazer. Aliás a manutenção dos equipamentos tem que ser constante e, para que saibam, é na manutenção dos equipamentos que a Junta gasta a maioria do seu orçamento.

Mas particularizando, gostaria de realçar três medidas que tomamos e que me parece importante referir. Termos conseguido o regresso da farmácia a Meinedo, a aquisição de um mini-autocarro; e a construção do Parque de Lazer com doze mil metros quadrados junto à ponte de Romariz. Este parque está em funcionamento, mas nos próximos meses ficará dotado de um conjunto de equipamentos que o tornará mais funcional e atrativo.
Quais são os maiores problemas que a Freguesia ainda se debate?
Os problemas são sempre muitos, principalmente numa freguesia grande como é Meinedo. E os recursos financeiros são muito escassos para podermos fazer face a todas necessidades.

Podemos ainda não ter resolvido alguns problemas na rede viária, na rede de abastecimento de água e de saneamento e até na iluminação pública, são problemas que merecem ser solucionados, mas há um muito mais grave e que afeta cada vez mais gente em Meinedo, a pobreza. Sim, há muitas famílias de Meinedo a sobreviver com imensas dificuldades. A pobreza, muita dela escondida, é o maior problema com que nos devemos preocupar. O resto, com tempo, vamos resolvendo.

Ao longo dos meus mandatos, a minha maior preocupação foi a de socorrer muitos Meinedenses que nos vieram pedir ajuda. A área social foi e tem que continuar a ser uma das principais prioridade da Junta de Freguesia.

Sendo autarca com alguns anos de experiência, quais são as maiores dificuldades na gestão da sua Junta de Freguesia?

Dar resposta à população com poucos recursos, o que limita e condiciona a concretização e viabilidade de projetos.
Tendo em conta o seu projeto para a freguesia o que é que está feito e o que pretende fazer até ao final deste seu último mandato.
Além do que já referi neste entrevista, destaco o seguinte: Requalificação, ampliação e modernização do centro escolar de Meinedo; realização de vários eventos, nomeadamente, o dia da Mulher, o dia Mundial da Criança, o dia dos Avós, visitas de estudo, passeios anuais, etc; pavimentação em várias ruas – Rua Mata do Mocho, Rua Alto das Agras, Ladeira Alto das Agras, Travessa das Agras, Rua dos Outeirinhos, Travessa de Ronfe, Parte da Rua de Vila Pouca, Rua da Sanguinha, Pavimentação do acesso ao Parque Domingos Ferreira; alargamento e pavimentação da Rua Caminho das Cales; alargamento e execução de muros e respetiva pavimentação na Rua do Bairral; Alargamento e construção de muros de suporte de terras, na Rua da Sanguinha (realização de uma obra que era desejada pela população há mais de 30 anos); execução e alargamento da Rua das Cales à EN320; alargamento e pavimentação da Rua de Santana e respetiva criação de passeios pedonais; execução de passeios na Rua do Maninho, junto à Habitação Social; alargamento na Rua das Cales e execução de muros; construção de dois canteiros de sepulturas no cemitério; construção de quatro novos jazigos em pedra; Limpeza e preservação nos fontanários da freguesia; execução em várias ruas de novas linhas de Rede e colocação de Luminárias, ampliação e construção de redes de águas pluviais, de água potável e de saneamento. Estes são alguns dos muitos exemplos de obras e equipamentos que tiveram a intervenção direta da Junta de Freguesia.
Como projetos a fazer, destaco a conclusão do Areinho na íntegra, a continuidade da pavimentação de algumas ruas, a abertura de outras ruas e a reposição da iluminação nas ruas que estão em falta. Continuar a apoiar e dar colaboração a todas as Associações da Freguesia. Continuar a lutar para que o Centro de Saúde de Meinedo não encerre.

No essencial, vamos continuidade à execução dos projetos em curso, assim como avançar com novos projetos, em função das disponibilidades financeiras e da Junta de Freguesia e da Câmara Municipal de Lousada. Trabalharei afincadamente por Meinedo até ao último dia do meu mandato.

Que perspetivas tem para o futuro para a sua freguesia?

Meinedo é uma freguesia com futuro. Temos todas as condições para aqui vivermos com qualidade de vida.

Caracterize a freguesia de Meinedo a nível associativo. De que forma a Junta de Freguesia apoia as associações?

Meinedo dispõe de muitas associações e que fazem um excelente trabalho em áreas tão diversificadas como, a cultura, folclore, gastronomia, desporto, recreativas e solidariedade social. Sempre estivemos disponíveis para apoiar, e temo-lo feito, nomeadamente com meios financeiros, materiais e disponibilização de equipamentos (espaços da Junta ou veículos de transporte).

Em 2021 já não poderá apresentar uma candidatura para a Junta. Existe alguém já preparado para o substituir?

Ainda falta algum tempo para as próximas eleições autárquicas, agora estou mais focado em cumprir o projeto que apresentei aos Meinedenses. No entanto, estou convicto que no tempo certo vamos apresentar uma candidatura nova, liderada por alguém que gosta de Meinedo, que vive em Meinedo, disponível para ajudar Meinedo e as instituições desta Freguesia. Será seguramente alguém com provas dadas, que não vive da política nem está amarrado ao sistema, uma pessoa simples, trabalhadora, determinada e competente.

Que mensagem quer enviar à população nesta edição especial?

Agradecer, uma vez mais, a confiança que em mim depositaram ao longo destes mandatos. No final do mandato sairei de forma tranquila, certo de que fiz o que estava ao meu alcance, com os meios que estavam ao nosso dispor. Muitas vezes, mesmo sem dinheiro, conseguimos dar a volta, e resolvemos muitos problemas reais dos Meinedenses. Os Meinedenses sabem que fiz o possível e muitas vezes o impossível para responder positivamente aos problemas que nos foram surgindo.
Os Meinedenses sabem também que quando deixar de ser o Presidente da Junta serei o mesmo, aquele que está sempre disponível para ajudar Meinedo, tal como fazia antes de ter sido eleito.

De que forma é que a Junta de Freguesia lidou com a pandemia? Quais foram as principais medidas?

As medidas implementadas pela Junta de Freguesia consistiram na desinfeção de espaços públicos da freguesia, principalmente, junto ao cemitério, farmácia, mercados, cafés. Colocamos gel para as mãos na caixa de multibanco e procuramos sensibilizar da população através de panfletos, cartazes de informação sobre a Covid19. Procuramos seguir e divulgar as recomendações da Direção Geral de saúde.

Como caracteriza este período difícil?

É um período marcado pela preocupação e insegurança. No entanto, acredito que juntos vamos ultrapassar este difícil período.

1 Comment

Submeter Comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Artigos recentes

Tanto talento e humildade numa pessoa só

JOÃO DA MOTA TEIXEIRA Este cristelense de 78 anos tem tanto de discreto e humilde como de talento...

Estradas esburacadas 

ACONTECE UM POUCO POR TODO O CONCELHO As chuvas intensas que caíram neste inverno contribuíram...

“O Julgamento do Natal”

Nos dias 22 e 23 de março, a Nova Oficina de Teatro e Coral de Lousada, para finalizar o Dia do...

COPAGRI CONTINUA COM LITÍGIO INTERNO

“Arrumar a casa” para investir no supermercado, mas anterior direção insiste com ação judicial Por...

Adriano Rafael Moreira é o novo Secretário de Estado do Trabalho

TERCEIRO LOUSADENSE NUM GOVERNO CONSTITUCIONAL A tomada de posse de Adriano Rafael Moreira,...

Editorial 118 | Um lousadense no Governo de Portugal

Não é todos os dias que temos um lousadense no Governo de Portugal, sendo, por isso, motivo de...

~ in memoriam ~

Armando José Gonçalves da Costa (1946 – 2024) Faleceu a 26 de Março o estimado dono do Mini...

Lousada recebe o Mega Sprinter

Lousada recebe, nos dias 19 e 20 de abril, o XVIII Mega Sprinter. A atividade envolve 25 comitivas...

Seminário da Unidas – Rede Intermunicipal de Apoio à Vítima do Douro, Tâmega e Sousa

Lousada recebe o III Seminário da Unidas — Rede Intermunicipal de Apoio à Vítima do Douro, Tâmega...

Noites da Juventude apresentam We Are

O segundo evento no âmbito das Noites da Juventude realiza-se dia 12 de abril. A partir das 22h00,...

Siga-nos nas redes sociais