por | 10 Ago, 2023 | Editorial, Editorial

Editorial 102.º | 200 anos da Romaria Senhora Aparecida

A Romaria Senhora Aparecida é a mais importante, imponente e mobilizadora romaria do concelho e arredores. A devoção do Eremita a Nossa Senhora Aparecida teve a força de unir as pessoas, reforçar a fé e proporcionar um Santuário de reflexão, esperança e solidariedade, a todos os que na fé se inspiram e pela fé o praticam.

A celebração dos 200 anos (1823-2023) da Romaria Senhora Aparecida é um momento especial e de grande importância histórica e cultural para toda a comunidade, não sendo por isso surpresa que a comissão organizadora da Romaria tenha preparado um extenso programa de atividades religiosas, lúdicas e culturais, incluindo um website bastante útil e atrativo (https://romariasenhoraaparecida.pt). Do cartaz constam a realização do cortejo, marchas e arruada de bombos, rusgas e cantares ao desafio, feira de gado, concentração equestre, passeio de cavalos e charretes, corrida de cavalos e póneis, concentração e corridas de motos, atuações folclóricas, filarmónicas e de concertinas, concertos musicais com vários artistas nacionais, e sessões de fogo de artifício. 

A Missa Solene e a Majestosa Procissão em Honra de Nossa Senhora Aparecida, com o seu Tradicional Andor Grande, transportado por mais de 100 homens, são o expoente máximo da celebração religiosa e, por assim dizer, da Romaria e da imensa devoção de um povo brioso, que só quem vive e sente Aparecida o consegue explicar.

Em paralelo, haverá também a apresentação de um livro subordinado à história e paixão pelas corridas de motos, assim como a realização do primeiro “motofest”. Mas, de tudo, o mais importante é mesmo a entrega, dedicação e envolvimento comunitário que todos os aparecidenses dedicam à organização da Romaria.

Uma nota final para declararmos que, pela feliz coincidência da celebração dos 200 anos da Romaria Senhora Aparecida, há dias, em reunião de câmara, foi aprovado por unanimidade a aquisição de um terreno com 11.224 metros quadrados, destinado ao alargamento do Santuário. Um feito que permitirá qualificar a celebração anual da romaria, mas também criar uma (nova) centralidade cívica, que muito enobrecerá a Vila de Aparecida.

Agora, é tempo de rumar até à Vila de Aparecida e fazer da Romaria Senhora Aparecida uma experiência de devoção e comunhão espiritual e comunitária.

Leia e partilhe O Louzadense, o seu jornal local.

Comentários

Submeter Comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Artigos recentes

Resistência e Liberdade» obteve 3.º Prémio no Concurso «25 de Abril, um projeto de Liberdade»

Alunos e professores do AE Dr. Mário Fonseca, envolvidos no Projeto «Resistência e Liberdade»,...

Mostra coletiva de artistas revela vitalidade da arte lousadense

NA BIBLIOTECA MUNICIPAL E CAIS CULTURAL DE CAÍDE DE REI A diversidade de estilos e técnicas são...

Uma centena de jovens na Final Regional do Xadrez Escolar do Norte na Escola Secundária de Lousada

A Escola Secundária de Lousada acolheu, no dia 10 de maio, a final da modalidade de xadrez da...

Sacrifício, Liberdade e Memória da Revolução dos Cravos

No ano em que se comemora os cinquenta anos da Revolução dos Cravos importa mergulhar no passado...

Iluminar Lousada – Uma Luz Solidária para a Cooperativa Lousavidas

O Iluminar Lousada vai realizar-se no dia 18 de maio, e as velas solidárias estão já estão à...

Pimenta na censura dos outros, na minha liberdade é refresco

No passado dia 25 de Abril celebraram-se os 50 anos sobre a revolução que derrubou o regime...

Vinhos das Caves do Monte projetam Lousada no mundo

Freitas de Balteiro: O embrião de uma tradição Em 1947, nas terras férteis da freguesia de...

Caixa Agrícola rejeita lista de sócios candidatos a eleições: Lista avança com Providência Cautelar

A Caixa de Crédito Agrícola de Terras do Sousa, Ave, Basto e Tâmega (CCAM TSABT) está envolta em...

Um pioneiro da comunicação regional

Rafael Telmo da Silva Ferreira, professor e diretor da Valsousa TV Em setembro faz 25 anos que...

A Casa Nobre No Concelho de Lousada

Tipologias - XII | Capela II A capela podia ser levantada por forma a dar seguimento à fachada da...

Siga-nos nas redes sociais