por | 11 Fev, 2024 | Política, Sociedade

Recorde de candidatos a deputados

TODOS EM LUGARES SECUNDÁRIOS

Lousada não é virgem de deputados na assembleia representativa da Nação. Já no século XIX, as Cortes do Reino tiveram ilustres lousadenses, caso de António Barreto de Almeida Soares de Lencastre (Visconde de Alentém). Na 1ª República, o advogado Porfírio Coelho da Fonseca Magalhães, de Sousela, participou na Câmara dos Deputados. Em 1975, Rui Maria Malheiro de Távora de Castro Feijó, de Vilar do Torno e Alentém, foi eleito pelo PS para a Assembleia Constituinte. A seguir, na Assembleia da República, estiveram Adriano Pinto, Adriano Rafael Moreira, Simão Ribeiro, todos pelo PSD, e, nas duas últimas legislaturas, esteve Cristina Mendes da Silva, do PS. Esta é candidata a um terceiro mandato, que parece deveras difícil de atingir.

Embora nenhum dos lousadenses perfilados para a XVI Legislatura da Assembleia da República tenha aspirações à eleição, o concelho nunca teve tantos candidatos a deputados no mesmo ato eleitoral. São o resultado de diligências internas, onde as estruturas locais, regionais e nacionais congeminaram no sentido de colocar nas respetivas listas os seus apaniguados. De fora ficam aqueles que tendo pretensões a tal perfilam-se noutras linhas e apoios internos que não os vigentes.

Ao todo são sete os “representantes” de Lousada que integram as respetivas listas partidárias para a eleição de deputados à Assembleia da República, a 10 de Março próximo.

A ex-vice presidente da Câmara Municipal de Lousada passou de um notável nono lugar, em 2022, para a vigésima posição. CRISTINA MENDES DA SILVA, de 58 anos, estudou Educação da Primeira Infância e Ensino Especial na área Mental Motora, no Magistério Primário de Penafiel. Recentemente conclui Doutoramento, na Faculdade de Letras da Universidade do Porto, com a tese “Programa Rede Social como Instrumento Político de Combate à Pobreza, em Portugal”. Pelo Partido Socialista, foi vereadora na Câmara Municipal de Lousada e, a partir de outubro de 2017, foi vice-presidente. Nas eleições de janeiro de 2022, ficou em nono lugar na lista do PS para o distrito do Porto e foi facilmente eleita, uma vez que o seu partido conquistou 19 assentos pelo Porto e teve uma maioria geral a nível nacional.

Na lista do Partido Social Democrata (PSD) do distrito do Porto, está colocado o presidente da Comissão Política do PSD de Lousada, LEONEL VIEIRA, de Meinedo, no 23.º lugar. Como última suplente da lista laranja está CIDÁLIA NETO, de Lustosa.

Na opinião de Leonel Vieira “depois da má governação do partido socialista durante estes oito anos, estas são umas eleições ainda mais decisivas”. O social-democrata lousadense enfatiza que “há medidas estruturais que têm que ser implementadas a breve prazo, nomeadamente na área da saúde, fiscalidade, educação e serviços públicos, para que os portugueses tenham melhor qualidade de vida”. Leonel Vieira alerta também para a “necessidade premente de implementar essas medidas para que os mais jovens não abandonem o País”, facto que considera um dos fenómenos mais nefastos para o país.

O coordenador do Chega em Lousada, GUSTAVO BORGES, além de funcionário público é tenor no grupo Carmeli Voces Ensemble e reside  em Lustosa. Integra os candidatos do seu partido pelo círculo do Porto, no 29.º lugar da lista. A campanha do Chega em Lousada e na região do Vale do Sousa está direcionada para a eleição da Coordenadora da Concelhia de Felgueiras, Sónia Monteiro, que vai num lugar potencialmente elegível.
Segundo Gustavo Borges, a aposta no Chega justifica-se pelo facto de “vivermos numa sociedade em que a hipocrisia se confunde com humanismo, a corrupção com economia, a ignorância com educação e a subjugação com liberdade” e por isso defende “uma Democracia mais equitativa e humana”, sublinhando que não são fascistas.

A professora FILIPA PINTO ocupa o 2.º lugar na lista do partido Livre, onde mais duas lousadenses fazem parte: a assistente social ANABELA PEIXOTO e a escriturária MARIA CRISTINA ARAÚJO. Filipa Pinto é natural de Valongo, vive em Lousada onde é professora na escola pública há 30 anos. A candidata Filipa Pinto enaltece o papel do seu partido na última legislatura, onde, por exemplo, “fez aprovar várias propostas que fizeram a diferença na vida das pessoas: o alargamento do subsídio de desemprego para incluir vítimas de violência doméstica”. Para as próximas eleições, “perante o medo e a incerteza, o LIVRE oferece ao país um Contrato com o Futuro, em cujo programa encontram-se propostas para impedir a degradação dos serviços públicos, nomeadamente a Saúde e a Educação”, entre outras.

Comentários

Submeter Comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Artigos recentes

“Deus deu-me a oportunidade de chorar a cantar”

CLÁUDIA MADEIRA, UMA FADISTA SOLIDÁRIA Cantar com alma e paixão são características de Cláudia...

A Casa Nobre No Concelho de Lousada

Tipologias - XIV | Pedra de Armas A pedra de armas, nem sempre presente, na fachada da casa,...

Violência no namoro preocupa encarregados de educação e professores

SIMULAÇÃO DE JULGAMENTO NO TRIBUNAL DE LOUSADA FOI ALERTA E PEDAGOGIA Um grande estudo nacional...

Quem são @s influencers lousadenses?

VENDEM PRODUTOS E SUGESTÕES A MILHARES DE PESSOAS Por “querer estar na moda” ou por insegurança e...

GINT: Uma história de crescimento, inovação e responsabilidade social

Desde a sua fundação em 1997, a Grecogeste-Trading de Produtos e Serviços S.A., do Grupo GINT, tem...

Programa Municipal de Caminhadas

No dia 15 de junho, sábado, realiza-se a Caminhada da Primavera, organizada pela Associação de...

Dia Municipal da Biodiversidade celebrado no Parque Urbano Dr. Mário Fonseca

Dia 21 de junho celebra-se o Dia Municipal da Biodiversidade. Desde 2017 que esta data é celebrada...

Inscrições abertas para o Banco de Voluntariado

O Banco de Voluntariado encontra-se em funcionamento desde 2006 e pretende garantir e promover a...

Orçamento Participativo Jovem tem candidaturas abertas até sexta-feira

Estão abertas as candidaturas para o Orçamento Participativo Jovem (OPJ), até dia 14, próxima...

Alunos de Lousada venceram concurso DXC Code Challenge

A equipa da EB da Boavista – Silvares, constituída por Letícia Teixeira Sousa e Luís Gonçalves...

Siga-nos nas redes sociais