Festas em Sousela de 4 a 6 de outubro

Sousela vai estar em festa no primeiro fim de semana de outubro. As festividades são em honra de Nossa Senhora do Rosário e realizam-se de 4 de a 6 de outubro, domingo.

São quatro as festeiras, Carla Pereira, Ana Ferreira, Filipa Ferreira e Luísa Cunha, que, mesmo não tendo sido votadas pela anterior comissão de festas, agarraram o desafio e estão prestes para mostrar o corolário do seu trabalho nos últimos meses.

Carla Pereira está desde o primeiro dia. Entrou logo no dia 6 de outubro a convite da nova comissão, uma comissão de sete mulheres, que, com o tempo, foram desistindo, sainda uma atrás da outra, porvários motivos: “Nós trabalhamos todas para o mesmo, mas sou eu que estou um pouco à frente. Nós assumimos as festas. Elas começaram e nós estamos a acabar”, diz Carla.

Junto com as outras três, decidiram em abril arregaçar as mangas e fazer de tudo para realizar as festividades. Pouco ou nada tinham na altura, e por essa razão decidiram realizar inúmeras atividades para angariar dinheiro: “E a partir daí começaram as atividades, o porco no espeto, a festa da francesinha, a sardinhada, a festa dos Luízes, uma festa que veio de fora, uma tradição, que decidiram fazer aqui. Este mês de agosto os emigrantes acabaram por nos ajudar aqui no parque. Apostamos em tudo o que fosse para comer”, refere Carla Pereira.

Pelo tardio arranque, o cartaz acabou por ter algumas limitações. Mesmo assim, consideram que o cartaz vai agradar, pois tem um pouco de tudo, música popular e música tradicional: “Na sexta feira, vamos ter o Zé Rascunho e as suas bailarinas, já na noitada de sábado a Cristiana Sá e o Leo e Leandro são bons, no domingo, vamos ter a noite de bombos. Tudo à grande, tendo em conta as nossas limitações”, afirma a responsável.
Há já alguns anos que se realiza esta festa no início de agosto, facto que esta comissão de festas quis alterar: “Uma das opção foi fazer nestes dias de outubro o que dantes era mais cedo. Assim, tivemos mais tempo e temos menos pessoas de férias, pois em agosto muita gente está de férias”, explica Luísa Cunha.

Quando questionadas em relação às dificuldades, o desabafo é sentido, pois consideram que seria importante que os souselenses fossem mais unidos: “Eu não nasci aqui, mas estou aqui há 18 anos e digo, com tristeza, que temos uma freguesia tão bonita, pequena, e podíamos ser mais muito mais unidos. Nós fazemos as festas por uma questão de honra, vamos conseguir e acreditamos que todos vão gostar das nossas festas.

Querenos agradecer aos nossos clientes que frequentam o bar, a Junta que semore no ajudou, ofereceu-nos um porco, e todos os patrocinadores e parceiros que de alguma forma partiparam nestas festividades.

Uma festa na altura das eleições: “Vou estrear roupa nova para ir votar. Vamos ter muita gente, uma eleição abençoada, a procissão passa lá mesmo em frente”.

“Vamos concretizar o nosso objetivo. Estou morta por ver todo este esforço recompensado. Vai correr bem”, remata Carla.

Comentários

Submeter Comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Artigos recentes

Resistência e Liberdade» obteve 3.º Prémio no Concurso «25 de Abril, um projeto de Liberdade»

Alunos e professores do AE Dr. Mário Fonseca, envolvidos no Projeto «Resistência e Liberdade»,...

Mostra coletiva de artistas revela vitalidade da arte lousadense

NA BIBLIOTECA MUNICIPAL E CAIS CULTURAL DE CAÍDE DE REI A diversidade de estilos e técnicas são...

Uma centena de jovens na Final Regional do Xadrez Escolar do Norte na Escola Secundária de Lousada

A Escola Secundária de Lousada acolheu, no dia 10 de maio, a final da modalidade de xadrez da...

Sacrifício, Liberdade e Memória da Revolução dos Cravos

No ano em que se comemora os cinquenta anos da Revolução dos Cravos importa mergulhar no passado...

Iluminar Lousada – Uma Luz Solidária para a Cooperativa Lousavidas

O Iluminar Lousada vai realizar-se no dia 18 de maio, e as velas solidárias estão já estão à...

Pimenta na censura dos outros, na minha liberdade é refresco

No passado dia 25 de Abril celebraram-se os 50 anos sobre a revolução que derrubou o regime...

Vinhos das Caves do Monte projetam Lousada no mundo

Freitas de Balteiro: O embrião de uma tradição Em 1947, nas terras férteis da freguesia de...

Caixa Agrícola rejeita lista de sócios candidatos a eleições: Lista avança com Providência Cautelar

A Caixa de Crédito Agrícola de Terras do Sousa, Ave, Basto e Tâmega (CCAM TSABT) está envolta em...

Um pioneiro da comunicação regional

Rafael Telmo da Silva Ferreira, professor e diretor da Valsousa TV Em setembro faz 25 anos que...

A Casa Nobre No Concelho de Lousada

Tipologias - XII | Capela II A capela podia ser levantada por forma a dar seguimento à fachada da...

Siga-nos nas redes sociais