Confraria do Bazulaque de Magneto celebrou segundo aniversário

A Confraria do Bazulaque de magneto surgiu no seio de um grupo de amigos, adeptos de bazulaque, para valorizar e divulgar a cultura gastronómica de Meinedo e preservar o prato tão apreciado. No passado dia 2 de fevereiro celebrou dois anos de vida.

Paulo Mendes, de 49 anos, natural de Meinedo, é o Chanceler Mor da Confraria do Bazulaque de Magneto, contou-nos como decorreu a celebração do segundo aniversário. “Aproveitamos o dia para juntar confrades, futuros confrades, amigos e familiares. Tivemos a honra da presença do Dr. Nelson Oliveira, vereador da Câmara Municipal de Lousada, das nossas confrarias madrinhas, Confraria do Presunto e da Cebola do Tâmega e Sousa, e confraria do Anho Assado com arroz de forno do Marco de Canaveses, bem como da nossa afilhada Confraria do Sarrabulho Doce de Caíde de Rei”, conta.

As festividades iniciaram-se com uma Eucaristia em Meinedo, a que se seguiu o almoço de confraternização em ambiente descontraído e amigável.
O evento foi ainda aproveitado para celebrar a tomada de posse dos recém-eleitos órgãos sociais da confraria.

Uma referência no concelho

Ao longo dos dois anos de existência, a Confraria conseguiu impor-se no panorama cultural do concelho, cumprindo aquele que é o seu principal objetivo: promover e preservar o Bazulaque enquanto valor gastronómico. Para tal, contribuíram as várias atividades realizadas, que a tornaram “uma instituição de referência”, afirma Paulo Mendes.

A Confraria tem 41 confrades e a sua presença faz-se notar em eventos, feiras e festivais gastronómicos nacionais e estrangeiros. A presença assídua da Confraria do Bazulaque nas cerimónias capitulares de outras confrarias de norte a sul do país é essencial no âmbito do espírito confrádico que a caracteriza.

As perspetivas são, por isso, dar continuidade ao trabalho desenvolvido até ao momento, em prol do objetivo maior, que é “levar o nome do Bazulaque de Magneto a todo o lado, com a ajuda e emprenho de todos os confrades, mas também com a ajuda da gente da nossa terra, que nos tem apoiado nesta nossa missão”, refere Paulo Mendes. O ano de 2020 será já um ano de desafios, segundo conta este magnetense, e de “continuidade e consolidação da nossa imagem enquanto confraria, sempre em consonância com a prossecução da missão: preservar, promover e divulgar o Bazulaque de Magneto, através da organização dos seus eventos: Festival Tradicional de Lousada, III Capítulo de Entronização da Confraria, onde estimamos contar com mais de 20 confrarias e cerca de 200 pessoas, Festival do Bazulaque em Meinedo, entre outros”.

Para além destes projetos, apresenta-nos ainda outros, diferente, em parceria com a Câmara Municipal de Lousada. No âmbito do projeto “Lousada Guarda Rios”, a Confraria pretende adotar um troço de rio na nossa freguesia de Meinedo.

III Capítulo de Entronização será um momento memorável

O III Capítulo de Entronização aproxima-se a passos largos. Este grande evento será no dia 18 de julho e entronizará novos Confrades com o objetivo de crescimento e valorização da Confraria. “Para testemunhar esse feito, esperamos receber várias Confrarias Gastronómicas e Báquicas. Pretendemos promover a gastronomia local a freguesia de Meinedo e o concelho de Lousada”, diz.

Paulo Mendes dirige uma palavra de “agradecimento a todos aqueles que colaboraram, ao longo destes dois anos, nas atividades da Confraria do Bazulaque de Magneto. Só nos podemos congratular por todo o trabalho desenvolvido, o que nos eleva a ser uma associação com objetivos claros e ambiciosos onde todos cabem e onde todos têm um papel importante”, diz.

Comentários

Submeter Comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Artigos recentes

Resistência e Liberdade» obteve 3.º Prémio no Concurso «25 de Abril, um projeto de Liberdade»

Alunos e professores do AE Dr. Mário Fonseca, envolvidos no Projeto «Resistência e Liberdade»,...

Mostra coletiva de artistas revela vitalidade da arte lousadense

NA BIBLIOTECA MUNICIPAL E CAIS CULTURAL DE CAÍDE DE REI A diversidade de estilos e técnicas são...

Uma centena de jovens na Final Regional do Xadrez Escolar do Norte na Escola Secundária de Lousada

A Escola Secundária de Lousada acolheu, no dia 10 de maio, a final da modalidade de xadrez da...

Sacrifício, Liberdade e Memória da Revolução dos Cravos

No ano em que se comemora os cinquenta anos da Revolução dos Cravos importa mergulhar no passado...

Iluminar Lousada – Uma Luz Solidária para a Cooperativa Lousavidas

O Iluminar Lousada vai realizar-se no dia 18 de maio, e as velas solidárias estão já estão à...

Pimenta na censura dos outros, na minha liberdade é refresco

No passado dia 25 de Abril celebraram-se os 50 anos sobre a revolução que derrubou o regime...

Vinhos das Caves do Monte projetam Lousada no mundo

Freitas de Balteiro: O embrião de uma tradição Em 1947, nas terras férteis da freguesia de...

Caixa Agrícola rejeita lista de sócios candidatos a eleições: Lista avança com Providência Cautelar

A Caixa de Crédito Agrícola de Terras do Sousa, Ave, Basto e Tâmega (CCAM TSABT) está envolta em...

Um pioneiro da comunicação regional

Rafael Telmo da Silva Ferreira, professor e diretor da Valsousa TV Em setembro faz 25 anos que...

A Casa Nobre No Concelho de Lousada

Tipologias - XII | Capela II A capela podia ser levantada por forma a dar seguimento à fachada da...

Siga-nos nas redes sociais