por | 18 Mar, 2020 | Opinião

Editorial da edição n.º 22 de 18 de Março

A vida está em constante transformação, é uma metamorfose imprevisível, é uma incerteza persistente!

Há duas semanas pensávamos em determinados projetos e ações e hoje pensamos em não ficar doentes e tentar ter uma vida relativamente normal, dentro desta normalidade que nos assombra.

Não podemos fugir a este tema mundial, que é este surto de infeções pelo Coronavírus. Neste momento em que escrevemos, há em Portugal 59 casos confirmados, 83 pessoas à espera de resultados das análises e 3066 estão em vigilância. O país está em polvorosa, as notícias são por vezes alarmantes e todos estamos confusos e atordoados desde segunda-feira quando nos apercebemos que a nossa terra estava no “centro do foco”. As entidades de saúde um pouco atonitas, sem conseguirem dar resposta a tudo que vai acontecendo e por vezes até um pouco histéricas. Nesta edição temos algum trabalho sobre o caso, ouvindo o diretor clínico do Hospital de Lousada, bem como artigos de opinião que abordam a temática.

O nosso “Grande Louzadense” é José Dias, um dos grandes impulsionadores do desporto automóvel em Lousada. Homem simples, mas ativo e incentivador de muitos lousadenses que participam em provas de rallycross e autocrosse. Construiu e montou alguns carros que foram autêntica surpresa para o meio automobilístico da época. Visionário e arrojado alcançou dezenas de vitórias e foi campeão nacional diversas vezes, provocando entusiasmo nas nossas gentes durante vários anos.
Estamos também acompanhar o diferendo que existe na pista da Costilha com os moradores, um problema que pelos vistos já se arrasta há bastante tempo, mas que tem sido adiado com intervenção da autarquia e do CAL. Desta vez, parece que o problema agudizou-se, colocando em risco a nossa participação no Rally de Portugal, situação nada desejada pro todos nós.
Daremos atenção a mais um Lousadense – João Xavier, que espalha cultura e arte através do piano por toda a Europa, nomeadamente em Portugal e na Rússia, onde estuda com os melhores para se aperfeiçoar cada vez mais. Do desporto à cultura, não nos falam razões de orgulho.

Como é habitual a qualidade e a qualidade dos nossos articulistas não poderá deixar de merecer a nossa leitura atenta.

Os nossos leitores continuarão a ter a rubrica dos “Louzadenses com Alma”, desta vez dedicada a Fernando Jorge Martins de Barrosas Santo Estêvão, que desapareceu precocemente.

E assim se produz mais uma edição, edificada com assuntos atuais e pertinentes, que oferecerão aos nossos leitores a oportunidade de se informarem sobre o que mais relevante acontece por Lousada.
Boa leitura!

Comentários

Submeter Comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Artigos recentes

Os pais tiveram receio da sua escolha mas deram todo o apoio

LUÍS MELO, ARTISTA PLÁSTICO E PROFESSOR DE ARTES O curso de Artes da Escola Secundária de Lousada...

Não se tratou apenas de guerra – a nostalgia dos combatentes em África

LOUSADENSES NO ULTRAMAR (PARTE 2) Nem tudo foi mau, dizem os que tentam perspetivar algo de...

Resistência e Liberdade» obteve 3.º Prémio no Concurso «25 de Abril, um projeto de Liberdade»

Alunos e professores do AE Dr. Mário Fonseca, envolvidos no Projeto «Resistência e Liberdade»,...

Mostra coletiva de artistas revela vitalidade da arte lousadense

NA BIBLIOTECA MUNICIPAL E CAIS CULTURAL DE CAÍDE DE REI A diversidade de estilos e técnicas são...

Uma centena de jovens na Final Regional do Xadrez Escolar do Norte na Escola Secundária de Lousada

A Escola Secundária de Lousada acolheu, no dia 10 de maio, a final da modalidade de xadrez da...

Sacrifício, Liberdade e Memória da Revolução dos Cravos

No ano em que se comemora os cinquenta anos da Revolução dos Cravos importa mergulhar no passado...

Iluminar Lousada – Uma Luz Solidária para a Cooperativa Lousavidas

O Iluminar Lousada vai realizar-se no dia 18 de maio, e as velas solidárias estão já estão à...

Pimenta na censura dos outros, na minha liberdade é refresco

No passado dia 25 de Abril celebraram-se os 50 anos sobre a revolução que derrubou o regime...

Vinhos das Caves do Monte projetam Lousada no mundo

Freitas de Balteiro: O embrião de uma tradição Em 1947, nas terras férteis da freguesia de...

Caixa Agrícola rejeita lista de sócios candidatos a eleições: Lista avança com Providência Cautelar

A Caixa de Crédito Agrícola de Terras do Sousa, Ave, Basto e Tâmega (CCAM TSABT) está envolta em...

Siga-nos nas redes sociais