por | 25 Abr, 2023 | Opinião, Sem filtro

Achamos que somos livres, mas não somos

Somos escravos da imagem e da aceitação e aprovação dos outros.

Somos escravos das políticas que pensamos que escolhemos, mas que são escolha de um pequeno grupo de interesseiros que nos dominam.

Somos conformados perante dirigentes corruptos porque a nossa cultura religiosa nos ensinou que só pode atirar pedras a telhados de vidro quem nunca pecou.

Somos submissos e condescendentes perante o assédio de padres e professores, porque nos ensinaram a respeitar as hierarquias e a nunca colocar em causa a sua palavra.

Somos cuidadosos e politicamente corretos em tudo o que dizemos ou escrevemos, porque receamos represálias.

Achamo-nos muito bem informados, mas cada vez lemos menos, não refletimos, não pensamos e acabamos por ser aquilo que alguns querem que sejamos.

Tivemos a coragem de fazer uma revolução com flores. 

Tenhamos agora a coragem de fazer mais uma vez uma revolução pacífica, com palavras e ações, dentro dos nossos círculos familiares e de amizades.

Tenhamos a audácia de nos orgulharmos do que somos, valorizarmos o nosso interior, a nossa autenticidade e respeitar a nossa diferença, sem nos preocuparmos se os outros gostam ou não.

Sejamos capazes de ensinar valores de humanismo e dever cívico aos nossos filhos, para que se tornem conscientes da responsabilidade que têm de fazer as mudanças que pretendem ver no mundo.

Sejamos corajosos e seremos realmente livres!

Cláudia Lousada

Comentários

Submeter Comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Artigos recentes

Conferência do PSD Lousada debateu estratégias e financiamento para o Desenvolvimento Local

Na noite de 18 de julho, o Auditório da COPAGRI em Lousada foi palco da conferência...

“Toda a glória do mundo é transitória”

JORGE NETO, ADVOGADO E POLÍTICO O lousadense Jorge Manuel Ferraz de Freitas Neto, de 67 anos, é um...

Associação dos Voluntários de Caíde de Rei Celebra 34.º Aniversário com Evento Memorável

A Associação dos Voluntários de Caíde de Rei comemorou, ontem, o seu 34.º aniversário com uma...

Queixas ambientais morrem num emaranhado de burocracias e “procedimentos duvidosos”

A (DES)ORDEM NO RIO MESIO (PARTE 2) Esta é a segunda parte da reportagem d'O Louzadense sobre um...

AD Lousada não se vai coligar com SAD Lank

FEDERAÇÃO NÃO AUTORIZA O “CASAMENTO” Estava tudo bem encaminhado entre as partes para que a junção...

Editorial 125 | O Gestor de Redes Sociais

Numa terra longínqua onde os emojis governam e os likes são moedas de troca, vive o temido Gestor...

LOUSADA RECEBE MAIOR FESTIVAL DE DRIFT DO PAÍS

O Eurocircuito da Costilha em Lousada será palco no final do mês da 11ª edição do Encontro...

Xadrez do Lousada Voleibol Clube com excelentes resultados no fim de semana

Esteban Dario Caro, xadrezista da secção de xadrez do Lousada Voleibol Clube venceu o VII Torneio...

Oficinoscópio assinala 10 anos de cinema de animação

No dia 10 de julho foi apresentado o livro Oficinoscópio, relativo aos 10 anos de Oficinas de...

AUTOR VISITA ALDAF E PROMOVE MOMENTO DE CULTURA PARA PESSOAS COM DEFICIÊNCIA EM LOUSADA

No passado dia 13 de junho a Associação Lousadense dos Deficientes, dos seus Amigos e Familiares...

Siga-nos nas redes sociais