por | 8 Mai, 2023 | Opinião, Psicologices

Amor é amor, seja de que forma for

O «Amor» é um ato de afeto entre pessoas que, como refere o ditado, não escolhe caras, nem géneros. Porém, o amor entre pessoas do mesmo género foi, e ainda é, negativamente discriminado. E como todas as discriminações negativas existem consequências prejudiciais para quem é discriminado: atos de humilhação pública, olhares, questões indelicadas, entre outras atrocidades, que podem promover a negação da nossa identidade. 

Mas o que poderia ser a “solução” para aqueles que se sentem “incomodados” com a diferente orientação sexual de outros é, na verdade, algo bastante perigoso que pode inclusive causar problemas como depressão, ansiedade e até suicídio. 

Tudo isto porque ainda consideramos a homossexualidade como algo “antinatural”.  

Será que assumir a minha identidade e a minha capacidade de amar pode ser considerada uma atitude leviana? Esta crença de que a homossexualidade é “antinatural” desvaloriza o sofrimento de quem passa pelo processo de “saída do armário” onde surgem, frequentemente, sentimentos de confusão e receio do julgamento perante a sociedade. 

“Ser o que somos não é uma questão de ideologia. É a nossa identidade. E ninguém pode privar-nos dela” foram as palavras usadas pela Presidente da União Europeia, Ursula von der Leyen (2020). É um direito nosso ver a nossa identidade amplamente respeitada, sendo que esse respeito não pode nem deve estar condicionado pela minha capacidade de amar seja quem for.

Amor  (sem violência e com consideração) é amor e não nos compete julgar a forma e a quem (a homens ou a mulheres) se expressa esse amor. 

Psicologices – Andreia Moreira

Comentários

Submeter Comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Artigos recentes

A  memória e a literatura

Há uns tempos e a propósito de um Colóquio Internacional em que participei na Sorbonne, em Paris,...

“Fecharam-nos muitas portas, mas temos tudo controlado”

COMISSÃO DE FESTAS DO SENHOR DOS AFLITOS 2024 Em janeiro deste ano, Paulo Magalhães, Daniel Pires...

Cartaz de arromba nas festas de Lustosa

SÃO TIAGO É COMEMORADO DE 25 A 28 DESTE MÊS A comissão de festas de Lustosa é formada por mais de...

Festas Grandes em honra do Senhor dos Aflitos

A Vila já está iluminada lembrando as Festas Grandes, que têm um dos grandes momentos na...

Lousada no pódio europeu de árvores plantadas em Portugal

O Município de Lousada ocupa o primeiro lugar nacional, ao abrigo da iniciativa europeia da...

Votações para o OPJ até dia 8 de agosto

Até dia 8 de agosto estão em votação as 12 propostas apresentadas no âmbito do Orçamento...

Ações de sensibilização com a Liga Portuguesa Contra o Cancro

O Município de Lousada associou-se à Liga Portuguesa Contra o Cancro – Núcleo Regional do Norte,...

NÍVEL ELEVADO NO SUPERCROSS EM LUSTOSA

As grandes emoções do Supercross estiveram em Lustosa (Lousada), numa noite memorável. A pista do...

Quarteto Metralha animam festas e romarias

LOUSADA TEM CADA VEZ MAIS GRUPOS DE BOMBOS Os bombos são uma tradição bem portuguesa e em Lousada...

Verónica Parente apresenta a exposição “Horizontes de Cores” no Cais Cultural de Caíde de Rei

O Cais Cultural de Caíde de Rei acolherá a exposição "Horizontes de Cores", da artista Verónica...

Siga-nos nas redes sociais