por | 28 Ago, 2023 | Associativismo, Desporto, Sociedade

Associação Desportiva de Lustosa

Lustosa, uma freguesia com grande potencial desportivo, tornou-se o epicentro de duas modalidades pouco comuns no cenário do desporto em Lousada: o futsal sénior feminino e o atletismo. Graças ao compromisso da Associação Desportiva de Lustosa (ADL), estas práticas têm florescido na região, ganhando mais adeptos e reconhecimento. Conheça mais sobre a história desta entidade.

Rui Santos, Presidente da Associação Desportiva de Lustosa, abordou com toda a sua amabilidade a história da entidade que preside. Natural de Lustosa, reconheceu o potencial inexplorado do desporto na terra e abraçou – em conjunto com outros indivíduos – a 12 de fevereiro de 2013 a Associação Desportiva de Lustosa. 

Bem, antes não era esse o propósito. Inicialmente, a ideia transitava por reerguer o CCRL – antigo clube – que estava com as suas atividades extintas. Contudo, apesar da vontade, as dívidas eram elevadas e não foi possível dar continuidade à entidade. “Decidimos mudar o nome”, principia.

O objetivo era que o trabalho desportivo continuasse, sendo que na época tratava-se somente da prática do futebol. Porém, com o passar dos anos, surgiram outros propósitos – implementação do futsal sénior feminino e do atletismo.

Quanto ao futebol, numa fase inicial, existia apenas a equipa de seniores inscrita na AFAL – associação que trabalha em prol do desporto em Lousada. Todavia, numa fase mais avançada, a ADL federou-se na Associação de Futebol do Porto e os atletas seniores passaram a disputar os campeonatos distritais correspondentes.

Enquanto os atletas seniores deixaram a AFAL, por coincidência, a ADL decidiu inaugurar o futebol de formação sendo disputado na AFAL. “Só tínhamos futebol sénior e em 2017 surgiu um torneio da AFAL de sub 10 e, posto isto, começamos a nossa caminhada na formação”, reforça.

Na época desportiva transata, 2022/2023, a Associação Desportiva de Lustosa albergava os seguintes escalões: sub 6, sub 7, sub 10, sub 12 e sub 15. Na próxima época desportiva, 2023/2024, irá haver mais um escalão: sub 17.

Questionado acerca dos desafios enfrentados ao trabalhar com crianças, de imediato, enaltece o excelente trabalho do coordenador de formação – Jorge Meireles. Naturalmente, têm atletas com diferentes características comportamentais, financeiras … mas incutem sempre o respeito pelos adversários e o fair play como valores imprescindíveis. Além do mais, procuram formar homens para o futuro ao invés de craques.

Quanto à equipa sénior de futebol, a Associação Desportiva de Lustosa pretende na época 2023/2024 alcançar os lugares cimeiros da tabela classificativa. Assim sendo, encontram-se a formar um plantel competitivo com jogadores com experiência de outras divisões, para transitarem da Divisão Distrital para a Divisão de Honra

A nível do futsal, houve uma altura em que a Câmara Municipal de Penafiel em conjunto com a AFAL decidiu realizar um Campeonato de Futsal Feminino (amador) e convidou a ADL a fazer parte do mesmo. Desde então, a associação começou a prática do futsal feminino sénior.

A ADL possuía apenas uma equipa de futsal feminino sénior que é composta por 12 atletas, porém, na próxima época a situação desta modalidade encontra-se complicada porque vários elementos estão a transitar para o futebol de 11. Logo, uma das finalidades da associação (caso não tenham atletas suficientes) passa por deixar o futsal sénior feminino e enveredar pelo futsal feminino de formação. “Vamos ver o que irá acontecer”, refere.

Relativamente ao atletismo, de acordo com o próprio, cerca de 45 atletas marcam presença nesta prática que “dia após dia” recebe mais indivíduos com vontade e disponibilidade para abraçar o desafio. Nesta modalidade existem desde os escalões de formação até aos escalões de veteranos, sendo a formação uma das melhores na região norte.

As instalações da ADL são as mesmas do CCLR, contudo encontram-se remodeladas e melhoradas. O terreno é o mesmo, mas as infraestruturas não. “As obras começaram a ser feitas em 2021. A 1º fase terminou em 2022, permitindo-nos fazer a época passada na nossa casa”, salienta. O sintético foi inaugurado há dias, porém, é necessário ressaltar que as obras ainda não se encontram concluídas.

A ADL nas suas instalações dispõe de uma sede que se encontra ao seu serviço, sendo aberta nos dias dos treinos e jogos das 19h às 22h (por norma). O futebol é praticado nas infraestruturas da associação, o futsal no Pavilhão do Centro Escolar de Lustosa e, por sua vez, o atletismo no Complexo Desportivo de Lousada.

Rui foi um dos fundadores da ADL, ou seja, encontra-se desde o começo e já desempenhou diferentes cargos – diretor e presidente. Primeiramente, foi diretor e em 2019 tornou-se presidente pois o membro que assumia a função decidiu não se recandidatar e os elementos diretivos acharam que este seria uma boa escolha. “O meu sentimento, enquanto presidente, é que ainda há muito trabalho pela frente mas até então o balanço é extremamente positivo”, declara.

Questionado quantos às dificuldades, de imediato, afirma que se estabelecem a nível de recursos humanos – pela falta de pessoal para trabalhar – e a nível financeiro – pela falta de apoio. De forma a colmatar os respetivos, a ADL pretende angariar mais patrocinadores, pessoas particulares, sócios … que possam ajudar.

A nossa importância é elevada, na medida em que nenhuma associação do concelho de Lousada possui equipa de futsal sénior feminino. Ademais, na prática do atletismo só existimos nós e o Macieira. Logo, demonstra a nossa iniciativa em investir nessas modalidades menos difundidas”, finaliza Rui Santos.

Comentários

Submeter Comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Artigos recentes

Conferência do PSD Lousada debateu estratégias e financiamento para o Desenvolvimento Local

Na noite de 18 de julho, o Auditório da COPAGRI em Lousada foi palco da conferência...

“Toda a glória do mundo é transitória”

JORGE NETO, ADVOGADO E POLÍTICO O lousadense Jorge Manuel Ferraz de Freitas Neto, de 67 anos, é um...

Associação dos Voluntários de Caíde de Rei Celebra 34.º Aniversário com Evento Memorável

A Associação dos Voluntários de Caíde de Rei comemorou, ontem, o seu 34.º aniversário com uma...

Queixas ambientais morrem num emaranhado de burocracias e “procedimentos duvidosos”

A (DES)ORDEM NO RIO MESIO (PARTE 2) Esta é a segunda parte da reportagem d'O Louzadense sobre um...

AD Lousada não se vai coligar com SAD Lank

FEDERAÇÃO NÃO AUTORIZA O “CASAMENTO” Estava tudo bem encaminhado entre as partes para que a junção...

Editorial 125 | O Gestor de Redes Sociais

Numa terra longínqua onde os emojis governam e os likes são moedas de troca, vive o temido Gestor...

LOUSADA RECEBE MAIOR FESTIVAL DE DRIFT DO PAÍS

O Eurocircuito da Costilha em Lousada será palco no final do mês da 11ª edição do Encontro...

Xadrez do Lousada Voleibol Clube com excelentes resultados no fim de semana

Esteban Dario Caro, xadrezista da secção de xadrez do Lousada Voleibol Clube venceu o VII Torneio...

Oficinoscópio assinala 10 anos de cinema de animação

No dia 10 de julho foi apresentado o livro Oficinoscópio, relativo aos 10 anos de Oficinas de...

AUTOR VISITA ALDAF E PROMOVE MOMENTO DE CULTURA PARA PESSOAS COM DEFICIÊNCIA EM LOUSADA

No passado dia 13 de junho a Associação Lousadense dos Deficientes, dos seus Amigos e Familiares...

Siga-nos nas redes sociais