por | 22 Mar, 2024 | Associativismo, Sociedade

Nova comissão dá garantias de sucesso

ROMARIA DA SENHORA APRECIDA DE 2024

Demorou a aparecer, mas o que tarda não falha, como se diz na Senhora Aparecida. Imbuídos do espírito bairrista tão característico da localidade, 20 pessoas (na foto) aderiram ao desafio para integrar a comissão organizadora da romaria deste ano. Tomaram posse no sábado, dia em que a comissão cessante lançou um filme (que pode ser comprado na atual comissão), que está a ser um grande sucesso. É um documentário muito bem conseguido sobre a magnífica romaria dos 200 anos, realizada no ano passado.

Os peditórios já começaram e no dia 6 de Abril realiza-se o primeiro grande evento da nova comissão festeira, com a “Tradicional Rojoada”, na Quinta da Igreja, em Vilar do Torno e Alentém. Também já está marcado o importante “Arraial Aparecidense”, que será a 20 de Julho. Embora possam sofrer alterações nas datas, estão previstos dois imponentes cortejos de angariação de fundos, com marchas tradicionais, a 9 de Junho e 4 de Agosto.

Pelo que nos foi dado a entender por Pedro Neto, que se lançou na formação deste grupo, há ambição para realizar umas festas que honrem a emblemática romaria da Senhora Aparecida, que é uma das mais históricas de Portugal.

Sem querer adiantar muitos pormenores, aquele aparecidense prestou algumas declarações ao O Louzadense, revelando que o peditório já começou no domingo e termina neste sábado. “Recebemos donativos e palavras de alento, recebemos força e orgulho” e enalteceu o facto do peditório ser “bem mais que um peditório, é um convívio, em que fazem questão de nos receberem muito bem”. E afirmou ainda que “além da generosidade no contributo, a alegria que encontramos no sorriso das pessoas, reforçaram a nossa convicção de estarmos no bom caminho”.

São 20 os cidadãos que integram a comissão: Pedro Neto, Jorge Peixoto, Alexandre Carvalho Joni Fernandes, Amândio Faria, Ângelo Oliveira, Libânia Faria, Luís Marinho, Arminda Leite, Luís Carvalho, Cátia Couto, Orlando Matos, Carlos Cunha, Paulo Sousa, Carlos Malheiro, Patrícia Sousa, Carlos Pina, Pedro Magalhães, Cristiano Cunha, Rafaela Mesquita, David Cunha, Raquel Rodrigues, Fernando Rodrigues, Ricardo Miranda, Filomena Magalhães, Ricardo Cunha, Francisco Carvalho, Rui Miguel, João Fernandes, Rui Magalhães, Joaquim Ribeiro e Sílvia Silva.

Comentários

Submeter Comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Artigos recentes

Os pais tiveram receio da sua escolha mas deram todo o apoio

LUÍS MELO, ARTISTA PLÁSTICO E PROFESSOR DE ARTES O curso de Artes da Escola Secundária de Lousada...

Não se tratou apenas de guerra – a nostalgia dos combatentes em África

LOUSADENSES NO ULTRAMAR (PARTE 2) Nem tudo foi mau, dizem os que tentam perspetivar algo de...

Resistência e Liberdade» obteve 3.º Prémio no Concurso «25 de Abril, um projeto de Liberdade»

Alunos e professores do AE Dr. Mário Fonseca, envolvidos no Projeto «Resistência e Liberdade»,...

Mostra coletiva de artistas revela vitalidade da arte lousadense

NA BIBLIOTECA MUNICIPAL E CAIS CULTURAL DE CAÍDE DE REI A diversidade de estilos e técnicas são...

Uma centena de jovens na Final Regional do Xadrez Escolar do Norte na Escola Secundária de Lousada

A Escola Secundária de Lousada acolheu, no dia 10 de maio, a final da modalidade de xadrez da...

Sacrifício, Liberdade e Memória da Revolução dos Cravos

No ano em que se comemora os cinquenta anos da Revolução dos Cravos importa mergulhar no passado...

Iluminar Lousada – Uma Luz Solidária para a Cooperativa Lousavidas

O Iluminar Lousada vai realizar-se no dia 18 de maio, e as velas solidárias estão já estão à...

Pimenta na censura dos outros, na minha liberdade é refresco

No passado dia 25 de Abril celebraram-se os 50 anos sobre a revolução que derrubou o regime...

Vinhos das Caves do Monte projetam Lousada no mundo

Freitas de Balteiro: O embrião de uma tradição Em 1947, nas terras férteis da freguesia de...

Caixa Agrícola rejeita lista de sócios candidatos a eleições: Lista avança com Providência Cautelar

A Caixa de Crédito Agrícola de Terras do Sousa, Ave, Basto e Tâmega (CCAM TSABT) está envolta em...

Siga-nos nas redes sociais