A Casa Nobre No Concelho de Lousada

Tipologias – XII | Capela II

A capela podia ser levantada por forma a dar seguimento à fachada da casa, comunicando com o seu interior através da tribuna, da qual os senhores da residência assistiam às cerimónias religiosas, ficando o corpo da capela para os serviçais, criados e povo. São deste modelo exemplos as casas de Rio de Moinhos, Porto, Juste, Valteiro, Ribeiro, Real, Alentém, Valmesio, Outeiro, Bouça, Lama e Cáscere. Esta tribuna encontra-se vulgarmente por cima da entrada. A existência deste elemento tem a ver com o tamanho das capelas, na sua maioria de pequena a média dimensão; quando a capela é destacada da casa, não é construída a tribuna.1

É na centúria de setecentos que surge o tipo de casa que integra a capela na fachada e que a questão da casa e capela se resolve, desta vez estabelecendo um padrão de casa tipicamente português, quando a fachada apresenta «maior simetria,»2 oportunidade para integrar a capela num dos extremos.

Exemplo de casa com capela destacada. Fachada Este e Norte da Casa Grande de Vilela e capela de Nossa Senhora de Oliveira. Fonte: FREITAS, Eugénio de Andrea da Cunha e – Carvalhos de Basto. A descendência de Martim Pires Carvalho, Cavaleiro de Basto. Porto: Edição Carvalho de Basto, vol. I, 1982, p. 49.

Na análise da relação entre ambas as construções, só duas casas estão isentas de capela: Argonça e Renda; cinco capelas estão destacadas: a de Vilela, paralela e no início da fachada Este; a da Seara, alinhada com a fachada principal, a Sul; a de Vila Verde, defronte para a fachada principal, virada a Oeste; a do Cam, à direita da fachada Este; e a da Tapada, à direita da fachada Sul. Mas temos também capelas integradas nas fachadas, como as de Juste e de Rio de Moinhos, que formam um ângulo reto, estando as duas situadas a Norte; as capelas da casa do Cáscere, do Valteiro, Pereiró e Outeiro rompem a cornija do lado direito da fachada; do lado esquerdo, ficam as do Ribeiro, da Lama, de Real, de Valmesio e do Porto – finalmente as capelas das casas da Bouça e de Alentém, situam-se a Oeste da fachada principal. Feita esta leitura, impõe-se uma outra: a das fachadas. Só cinco das capelas estão integradas na fachada: Pereiró, Porto, Ribeiro, Real, Pereiró e Valteiro, acompanhando a composição da casa e repetindo os seus elementos – portas e janelas.

Capela da Casa do Ribeiro (N. Sra. das Necessidades). Foto: do autor, 2024
Relação entre ambas as construções no concelho de Lousada
  Isenta de capela    Com capela integrada  Com capela destacada
Argonça e Renda  Pereiró, Porto, Real, Ribeiro e Valteiro.  Cam, Vilela, Seara, Vila Verde, Tapada e Alentém  

Classificamos as portadas das capelas em oito tipologias: três capelas exibem portadas molduradas, como é o caso de Alentém, Vilela e Juste, enquanto nas da Bouça e Ribeiro se acrescentou à moldura o lintel curvilíneo; e na do Outeiro adiu-se, a tudo isto, o frontão interrompido. As portadas das capelas da Quintã e da Seara são dissemelhantes num só pormenor: na primeira a portada é arquitravada e coroada com frontão interrompido por flor-de-lis, enquanto na segunda, moldurada com frontão interrompido por flor-de-lis. A diferença reside no moldurado ou no arquitravado. As sobrantes: Real e Rio Moinhos, mostram tipologias distintas, expondo a primeira portada com cornija, painel superior coroado por frontão interrompido. E a segunda portada arquitravada com lintel curvilíneo, com fecho ao centro e cornija de pequeno ressalto.

Portadas das capelas da casa nobre do concelho de Lousada
CapelaPortada
Alentém, Vilela e JusteMoldurado  
Lama, Valmesio e ValteiroArquitravado, com cornija e painel superior
Bouça e Ribeiro    Portal moldurado com lintel curvilíneo
Real  Portal com cornija, painel superior coroado por frontão interrompido
Quintã  Portal arquitravado com frontão interrompido por flor-de-lis
Rio de MoinhosPortal arquitravado com lintel curvilíneo, com fecho ao centro e cornija de pequeno ressalto
OuteiroPortal moldurado com lintel e frontão interrompido
SearaPortal moldurado coroado com frontão interrompido por flor-de-lis

________________________________

1 – STOOP, Anne – o. c., p. 11.

2 – AZEVEDO, Carlos de – o. c., p. 81

Obras consultadas:

1 – BATISTA, João Maria – Chorographia Moderna do Reino de Portugal. Lisboa: Typograhia da Academia Real das Sciencias, vol. II. 1875.

2 – SILVA, José Carlos Ribeiro da – As Capelas Públicas de Lousada. Seminário de Licenciatura em História-Variante Património. Universidade Portucalense Infante D. Henrique (Policopiada). 1997.

3 – STOOP, Anne – Palácios e Casas Senhoriais do Minho. 2ª Edição, Porto: Editorial Civilização, 2000.

José Carlos Silva

Professor / Historiador

Comentários

Submeter Comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Artigos recentes

Piscinas sobrelotadas: expandir ou construir?

EMPREENDIMENTO AQUÁTICO TEM 27 ANOS As piscinas de Lousada foram inauguradas em 1997, numa altura...

Rezar por mais saúde e menos guerras

A PROCISSÃO DE VELAS É UM SINAL DOS TEMPOS Em maio realizam-se as procissões de velas. Os...

LADEC Celebra 14.º Aniversário com Jantar Convívio

No passado dia 18, a LADEC - Lousada Associação de Eventos Culturais comemorou o seu 14.º...

Hugo Regadas Vence a Internacional XCO Super Cup

No passado domingo, em Vila do Conde, o lousadense Hugo Regadas, a competir pela equipa Rompe...

Editorial 121 | Lousada é Grande

Lousada, terra de história e tradição, ostenta com orgulho a sua grandeza. O nosso Torrão, que há...

Lousada Junior Cup: Título da primeira prova ficou em casa

O português João Dinis Silva conquistou a primeira prova da Lousada Junior Cup, depois de derrotar...

Lousada ao rubro na Super Especial do Rally de Portugal

A 57º edição do Rally de Portugal trouxe a Lousada os pilotos do Campeonato do Mundo de Ralis...

DIALLEY – Agência de Marketing em Lousada

O nome foi inspirado na Diagon Alley, um local emblemático da saga Harry Potter, da qual Sofia...

Apresentação da trilogia “As Aventuras da Maria” encanta público

No passado dia 11, a Assembleia Louzadense acolheu a apresentação da trilogia "As Aventuras da...

Luís Santos é mandatário da candidatura da Aliança Democrática em Lousada

A candidatura da Aliança Democrática (AD) em Lousada terá como mandatário Luís Santos, Coordenador...

Siga-nos nas redes sociais