Farmácia da Vila abre portas

A antiga Farmácia Ribeiro tem nova casa e novo nome. É a agora a Farmácia da Vila. Paula Tavares, proprietária, justifica esta alteração: “Mudei todo o edifício, toda a infraestrutura por dentro. Achei também que valia a pena mudar o nome para condizer com aquilo que nós somos e que queremos ser, que é trabalhar para as gentes da Vila e do Concelho. Já que estamos aqui no centro, achei que Farmácia da Vila fazia todo o sentido”. A escolha parece ter sido acertada, a julgar pelo feedback que tem tido das pessoas. “Tenho muito orgulho em dizer que estou aqui numa vila que já é um bocadinho minha. Espero que toda a gente sinta que esta farmácia é das pessoas de Lousada”, acrescenta a proprietária.

Paula Tavares esclarece que a intenção não é ser a maior farmácia do concelho. “Eu gosto muito dos meus colegas das outras farmácias, a concorrência é saudável e, graças a Deus, damo-nos muito bem”.

Estacionamento disponível para os clientes

A inauguração do novo espaço aconteceu no passado dia 25 de maio. Para além da rapidez de resposta e fluidez de atendimento ao público, que vão ser conseguidas com a ajuda do robot instalado, que aumentará em cerca de 20% o atendimento, Paula Tavares quis proporcionar melhores condições de trabalho à sua equipa: “São super esforçados, eles merecem tudo, porque eles são a cara da farmácia!”, declara.

Importante é também a disponibilização de estacionamento para os clientes. No momento são três lugares cobertos na lateral da farmácia, mas, em breve, serão mais oito lugares nas traseiras, com acesso direto à farmácia por escadas ou elevador.

Auditório para formação

Para além da remodelação do espaço, a Farmácia da Vila cresceu e disponibilizará novos serviços, embora neste momento esteja impossibilitada de os apresentar, em virtude da pandemia, que impõe restrições no relacionamento interpessoal. Entre as novidades, está o auditório: “Criamos um auditório, onde vamos dar formação à população sobre os mais variados temas, como formação a grávidas, por exemplo”, refere.

A inauguração não é a que Paula Tavares pretendia, pois os tempos que vivemos exigem contenção, mas a proprietária mostra-se muito satisfeita e feliz com o resultado das obras e com as reações das pessoas, que ainda entram a medo nas lojas, mas asseguram que se sentem seguras no novo espaço.

Farmácia nunca fechou durante período de obras

Durante o período de obras, a Farmácia não encerrou, ocupando um novo espaço provisoriamente. Foi um grande desafio, assume Paula Tavares: “Tivemos de adaptar um novo espaço e servir os clientes, ao mesmo tempo que se faziam as obras na outra parte. Foi complicado e uma grande aventura, pois tudo teve de ser pensado para que, no futuro, pudesse ser aproveitado para o novo espaço. Refiro-me por exemplo aos cabos elétricos, entre outros aspetos”, conta.

Clemente Bessa, cliente, realça que o nosso espaço é grande e acolhedor: “Nós aqui sentimo-nos bem”.

Também Afonso Magalhães se mostrou muito agradado com as condições da farmácia atual. “É um local aprazível e equipado com tudo o que é mais moderno e é, sem dúvida, uma mais-valia para a população de Lousada. Realço o empenho da Dra. Paula. Até esteticamente está bem enquadrado com os edifícios vizinhos, nomeadamente da câmara. É importante ter estas novas valências, uma coisa inovadora”, salienta.

Comentários

Submeter Comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Artigos recentes

Resistência e Liberdade» obteve 3.º Prémio no Concurso «25 de Abril, um projeto de Liberdade»

Alunos e professores do AE Dr. Mário Fonseca, envolvidos no Projeto «Resistência e Liberdade»,...

Mostra coletiva de artistas revela vitalidade da arte lousadense

NA BIBLIOTECA MUNICIPAL E CAIS CULTURAL DE CAÍDE DE REI A diversidade de estilos e técnicas são...

Uma centena de jovens na Final Regional do Xadrez Escolar do Norte na Escola Secundária de Lousada

A Escola Secundária de Lousada acolheu, no dia 10 de maio, a final da modalidade de xadrez da...

Sacrifício, Liberdade e Memória da Revolução dos Cravos

No ano em que se comemora os cinquenta anos da Revolução dos Cravos importa mergulhar no passado...

Iluminar Lousada – Uma Luz Solidária para a Cooperativa Lousavidas

O Iluminar Lousada vai realizar-se no dia 18 de maio, e as velas solidárias estão já estão à...

Pimenta na censura dos outros, na minha liberdade é refresco

No passado dia 25 de Abril celebraram-se os 50 anos sobre a revolução que derrubou o regime...

Vinhos das Caves do Monte projetam Lousada no mundo

Freitas de Balteiro: O embrião de uma tradição Em 1947, nas terras férteis da freguesia de...

Caixa Agrícola rejeita lista de sócios candidatos a eleições: Lista avança com Providência Cautelar

A Caixa de Crédito Agrícola de Terras do Sousa, Ave, Basto e Tâmega (CCAM TSABT) está envolta em...

Um pioneiro da comunicação regional

Rafael Telmo da Silva Ferreira, professor e diretor da Valsousa TV Em setembro faz 25 anos que...

A Casa Nobre No Concelho de Lousada

Tipologias - XII | Capela II A capela podia ser levantada por forma a dar seguimento à fachada da...

Siga-nos nas redes sociais